O valor de uma mãe

    Existem várias maneiras de dizer a sua mãe “EU TE AMO”... Você pode presentea-la com uma viagem, uma joia, uma bolsa ou qualquer outro presente. Mas, sabe qual é o verdadeiro presente que sua mãe vai apreciar? É a sua presença, seu abraço carinhoso, sua voz lhe dizendo: “Mamãe, EU TE AMO!”

    Então, o Blog da Jac trouxe pra vocês um depoimento de filho, que a vida lhe ensinou o valor de sua mãe. Feliz dia das mães e até a próxima!

 

    “Eu achava que adquirir bens era a coisa mais importante da vida, já que vim de uma origem humilde e também tinha aprendido esse conceito na faculdade de administração. Então, eu não tinha tempo para minha mãe, vinha rapidamente em sua casa, dava-lhe um beijo e deixava-lhe uma quantia em dinheiro para ela comprar algo e muitas vezes meus irmãos lembravam-me: ‘Vem ver sua mãe’. Mesmo assim eu não ouvia...

 

    De repente a vida me joga no chão! Porém Deus é tão misericordioso que apenas quebrei a perna, mas podia ter perdido minha vida no acidente. Esperei por 30 minutos o SAMU — foram os minutos mais longos da minha vida — e enquanto esperava fiz uma retrospectiva de toda minha existência, e olha que são 60 anos...

    O mais engraçado é: o filho pródigo retorna a casa materna! Onde sempre aparecia algo mais importante do que abraçar sua mãe. Pena que agora eu não possa correr atrás do prejuízo, pois a perda foi tão grande que mesmo estando junto a ela não adianta mais, porque ela já não me reconhece e me chama de Doca, seu irmão.

    Então, o meu recado para você nesta data tão festiva que é o dia das mães é: Aproveite em quanto é possível abraçar, beijar e ouvir os conselhos de sua mãe. Enquanto é tempo.”

José Carlos de Oliveira

 

Please reload

  • Facebook - White Circle
  • Google+ - White Circle
  • Instagram - White Circle
  • Pinterest - White Circle
  • YouTube - White Circle
Navegue com a Jac:
Destaques

Pelos sertões que andei... de Recife a Petrolina

July 31, 2017

1/7
Please reload

Please reload